Lançamento do site Um Novo Gavião, com a entrevista a João Manuel

Lançamento do site www.UmNovoGaviao.pt com

João Manuel – Uma vida ao serviço da Comenda

 

«....a estratégia de desenvolvimento da Comenda com uma Zona Industrial às moscas, transformando uma oportunidade de geração de riqueza num lote de terreno abandonado ou a própria gestão do Parque da Ribeira da Venda que podia ser um local de excelência na promoção do Concelho desde que estivesse sob a gestão da Junta de Freguesia...»

 

 

João Manuel, 61 anos, comerciante de gado e agricultor, um homem ligado às suas gentes e defensor intransigente da sua freguesia.

 

Há 34 anos que defende as cores do Partido Social Democrata na Comenda nos mais diversos órgãos autárquicos, tendo sido 3 vezes candidato à Junta de Freguesia da Comenda, exercendo o cargo de Secretário da Junta no mandato 1994-1995. A sua vida também está ligada ao associativismo, nomeadamente à Associação Desportiva IFAL da Comenda.

 

A sua entrada no mundo da política está intimamente ligada a uma personagem histórica que teve um desfecho trágico, Sá Carneiro, “um homem que me inspirou na sua luta por um pais diferente, evoluído e que nunca fugia das suas responsabilidades. Era isso que me inspirava nele ao contrário de outras figuras ligadas ao Partido Socialista. A defesa da Comenda e das suas gentes foi inspirada nessa visão”, conta-nos João Manuel.

 

O gosto pela participação cívica foi sobretudo exercido “pela vontade que tinha em acompanhar o desenvolvimento da minha terra. Queria que a Comenda tivesse as melhores condições e gostava de estar na discussão das melhores estratégias para tornar a minha freguesia, o meu concelho num dos melhores do Distrito. A minha atividade profissional permitia-me viajar e conhecer outros locais, permitindo-me opinar sobre algumas situações que não considerava tão corretas e dando as soluções que eu pensava que eram as melhores.”

 

Em relação ao desenvolvimento que o Concelho de Gavião teve nos últimos anos, João Manuel tem uma opinião muito incisiva e direta, visto que “não vi grandes desenvolvimentos no Concelho, limitámo-nos a ser reativos perante as adversidades, nunca conseguimos impor prioridades na ação e desenvolvimento das freguesias do Concelho. Exemplo disso é a estratégia de desenvolvimento da Comenda com uma Zona Industrial às moscas, transformando uma oportunidade de geração de riqueza num lote de terreno abandonado ou a própria gestão do Parque da Ribeira da Venda que podia ser um local de excelência na promoção do Concelho desde que estivesse sob a gestão da Junta de Freguesia, não esquecendo o Mercado na Comenda, que também corre riscos de abandono por falta de manutenção. Estes dois equipamentos, não estão mais que em autogestão, e isso é pouco, muito pouco para a Comenda e as suas aspirações.”

 

O mesmo se aplica em relação à atual gestão da Junta de Freguesia ”com uma atuação amorfa, sem organização, visão ou sequer estratégia de ação. Não conseguem, sequer, ter a freguesia limpa. Não auguro grande futuro à freguesia com a continuação de um Executivo desta qualidade.”

 

Por último, e enquanto integrante da lista que vai concorrer à Assembleia Municipal, João Manuel definiu os seus grandes objetivos para os próximos quatros anos, caso seja eleito, nomeadamente “ a defesa intransigente dos superiores interesses da Comenda, contribuir para que o Concelho, finalmente, avance na direção certa e lutar para que o Gavião tenha uma visão mais abrangente e integradora da sociedade.

publicado por Paulo José Matos às 23:00 | comentar | favorito