Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Um espaço sem censura! Focado na sociedade!

A livre opinião por Paulo Matos e ao abrigo da Constituição da República Portuguesa!

Um espaço sem censura! Focado na sociedade!

A livre opinião por Paulo Matos e ao abrigo da Constituição da República Portuguesa!

Francisco Calhas Maurício apresenta livro em Belver

13.06.13, Paulo José Matos

Entre a Vida... e o Sonho (2013)

 

Francisco Manuel Calhas Maurício nasceu em 26 de Abril de 1964 em Belver, Vila pertencente ao Distrito de Portalegre embora faça a fronteira com a Beira Baixa, situando-se na margem norte do Rio Tejo. Apaixonado pela sua terra, mas cuja vida ainda não lhe promoveu o verdadeiro reencontro.

A infância e a juventude foram vividas em três terras, a natal, Ponte de Sôr e Abrantes (Alferrarede).

Cedo começou a trabalhar em períodos de férias escolares, entre a “agricultura” e “serventia a pedreiros”.

Após ter cumprido o serviço militar deu continuidade aos seus estudos em simultâneo com o trabalho na altura na Banca, terminando a sua licenciatura em Gestão de Empresas em 1991.

Encara o percurso académico como forma contínua de aprendizagem e crescimento pessoal, tendo feito uma pós graduação em Marketing e Negócios Internacionais e o Mestrado em Organização e Gestão de Empresas.

Na actividade profissional começou como Caixa na Banca, tendo mudado quando finalizou a licenciatura onde esteve ligado às áreas de Formação, Organização, Dinamização Comercial, etc..

Actualmente desempenha funções Técnicas na Banca onde iniciou a sua actividade.

Como gosto pessoal, aposta no desenvolvimento pessoal, na Programação Neurolinguística, Coaching, etc..

Naturalmente expressa algumas das suas emoções e sentimentos através da escrita como se pode ver, utilizando-a como forma de os exteriorizar, só agora foi possível reunir alguns dos excertos escritos para partilhar.

A actividade profissional e formativa/académica tal como os hobbies, não lhe deixam muito espaço para a escrita, mas a toalha não irá ao chão, o prazer da escrita supera por vezes as horas que entram pela noite dentro e o dia passa a ser maior que o habitual.

 

“Entre a Vida … e o Sonho” é o seu primeiro livro.


Fonte:http://www.chiadoeditora.com/