Município de Gavião & Gavião Com Voz cada vez mais ILEGAL

Gavião, minha terra, minha tristeza que quer sorrir...

 

 

 

 

 

Em primeiro lugar, uma palavra de apreço ao site oficial de Gavião que sofreu uns retoques visuais, estando agora mais "luminoso" e navegável, mas os problemas de fundo mantêm-se , sendo que não existe nada de novo na relação on-line com o munícipe ! Como vem sendo habitual a minha opinião fica-se pelo termo: "areia para os olhos"!

 

www.cm-gaviao.pt

 

 

 

 

Ja o jornal Gavião com Voz, surpreende todos na continuação das profundas ilegalidades!

 

 

 

 

 

Já debati várias no post http://p-m.blogs.sapo.pt/802.html

 

 

 

Mas repito algumas pertinentes:

 

 

 

 

 1 - Se o "jornal Gavião com Voz" (JGcV) não tem nada a ver com o suplemento "Voz da Câmara (VdC) porque é que o Chefe de Redacção do JGcV é o Sr. Germano Porfírio e o Coordenador da VcC é o mesmo Sr. Germano Porfírio! Qual é o critério de inseção profissional e/ou pessoal associada a cada cargo, neste caso é possível existir?

 

 

 

 

 

 2 - Quem fez a composição gráfica do JGcV e do VdC foi o Sr. Maurício Delgado, mas este Sr. é um empregado da Câmara Municipal de Gavião (CMG) com contrato sem termo ! Conclui-se que esta a fazer um part-time e nesse caso pergunta-se se "nas contas do Clube Os Gavionenses vem descriminado esta despesa extra?" ou é trabalho voluntário (se for trabalho voluntário perdoe-me o individuo, pela minha intromissão em vida alheia)! 

2.1 - Outra hipótese será a delegação deste activo pela CMG ao clube por tempo determinado, para elaboração de tais tarefas, se for esta opção ou parecida nos termos, onde esta o despacho/edital?

2.1.1 - Pode a CMG dar-se ao luxo de dispensar os seus colaboradores, ou este é um serviço prioritário?

   

 3 - Por falar em contas, já tinha alertado para o facto de o jornal desde há algumas edições ter sido "trespassado" para as mãos do Clube Os Gavionenses:

  

 3.1 - O Clube paga a impressão do jornal à empresa Impritejo ?

 

 3.2 - O suplemento VdC, sendo publicidade que o município faz a si próprio, paga por esse serviço ao dono da publicação, ou seja, o Clube?

 

 

 

 

 4 -  A Ficha técnica continua a chamar de Bimensal a este jornal! Aqui vamos para a guerra de português em que não sou formado, nem o pretendo mas Bimensal em dicionário refere que é duas vezes no mesmo mês, mas o vulgo uso, deu vazão a que Bimensal fosse admintido como Bimestral! 

 

 

 

 Fazendo contas nas duas hipoteses:

  • Se fosse Bimensal (termo original) 2 x 12 meses = 24 edições,
  • Se fosse Bimestral (termo correcto) = 6 edições

Não se riam, mas em 2007 só foi publicado duas vezes, em Julho e em Dezembro!

 

 

 4.1 - Onde estão as outras edições que faltam?

 4.2 - Será que só mantém esse termo na descrição da periocidade para ganhar algum subsidio, que eu em particular e o restante público em geral desconhecemos?

 

 

 

Depois critiquem-me por dizer aquilo "que toda a gente finge que não vê"!

 

 

 

 

 Abraço

Paulo Matos

 

 

publicado por Paulo José Matos às 12:25 | comentar | favorito