Tragam as Cunhas(...) temos um madeiro para fazer em cavacas!

Caros Amigos

 

 

Alegrem-se ostipos, que dentro de cafés fazem encontros secretos (mas à vista de todos), pois vão poder receber bens e/ou serviços gratuitos em troca de umas cunhas (material pontiagudo de liga metálica, que serve para fazer cavacos)...

 

 

O Governo deste país - Portugal - em vez fazer gestão do parque educacional, com concursos justos (dentro da igualdade de direitos que uma pilha de números num programa informático perfaz) iniciou "O processo de transferência de competências" que TEORICAMENTE "visa obter avanços claros e sustentados na organização e na gestão dos recursos educativos".

 

 

Eu até concordo com a descentralização de serviços, mas esta acção a um ano de eleições autárquicas faz-me duvidar da sua ingenuidade politica e a própria comunicação do governo é falaciosa:

- "Através de uma nova geração de políticas locais e sociais de proximidade às populações, (...)"

 

Em meu ver... isto é a forma clara de aproximar a cunha (a um alvo definido de antemão) à madeira, e o que até então era difícil, ficou fácil!

 

 

 

 

Resumidamente o governo propôs ceder as seguintes funções aos municípios:

  1. Gestão de pessoal não docente;
  2. Acção Social Escolar;
  3. Construção, manutenção e apredrechamento de estabelecimentos de ensino;
  4. Transportes escolares;
  5. Educação pré-escolar da rede pública;
  6. Actividades de enriquecimento escolar;
  7. Residências para estudantes.

 

 

 

Gavião, municipio impar no lema do Alentejo Diferente, não poderia ter ficado (IN)diferente a esta medida e, desde logo a rubricou.

 

 

 

Para que fosse dado a entender (aos criticos, como eu) a boa vontade em cumprir todos os pontos do memorando, desde logo iniciou a pintura na escola principal do concelho.

 

 

 Honestamente, esta acção (que ao usar cores incaracteristicas  ao meio tradicional envolvente - Alentejo) só serve para se defender do apedrejamento público, pois as vagas subitas de emprego num municipio que só fecha empresas, dá sempre um jeitasso! E se o nome do municipio ficar associado, MELHOR!


Tu que estas a ler esta mensagem, não sejas ingénuo! Se o munícipio esteve a promover postos de trabalho, é porque precisava e não porque te quis fazer, favor algum!

O municipio passou a ser a tua empresa de trabalho temporário,

 

 

Bom trabalho e cumprimentos

 

 

 

 

Faz o download dos documentos, e cria a tua própria opinião:

 

Comentário das transferências de competencias para os municípios em matérias da educação - site do governo português

 

Lei nº 144/2008 - Ministerio da educação, transferência de competências

por isso não te faças vassalo manso (de ninguém)... tu trabalhas durante um mês e irás receber o teu ordenado pelo teu esforço!

Relembro que antes de cada campanha invernal, o partir de lenha com cunhas, no meio da floresta é mais difícil porque os movimentos ficam presos nos ramos, e as arvores tendem a parecer iguais entre si...

publicado por Paulo José Matos às 23:12 | comentar | favorito