Estamos lá!!! Boas noticias, só podiam vir da canoagem!!! Força Portugal!

 Fonte: http://desporto.publico.pt/Londres2012/noticia/portugueses-nas-finais-de-k2-1000-metros-e-k4-500-metros-1557952

 

 

 

Canoagem

Portugueses nas finais de K2 1000 metros e K4 500 metros

06.08.2012 12:07 | Por PÚBLICO

Correu bem a estreia da canoagem portuguesa em Londres, com dois apuramentos para as finais, nas classes de K2 1000 metros masculinos e K4 500 femininos.


A dupla Fernando Pimenta e Emanuel Silva conseguiu apurar-se para a final da prova de K2 1000 metros, sendo talvez a maior esperança portuguesa na canoagem.

Depois de terem terminado a primeira série na segunda posição, Pimenta e Silva terminaram uma das meias-finais no terceiro lugar. A final está marcada para as 10h16 de quarta-feira.

“Na eliminatória vínhamos para ganhar. Aconteceu-nos um pequeno percalço, mas nada que nos afectasse. O Fernando distraiu-se um bocado, olhou para o lado direito e falhou uma remada. É normalíssimo. Acontece aos melhores”, disse Emanuel Silva, de 26 anos, que foi sétimo classificado em Atenas 2004 e 10.º em Pequim 2008, em K1 1000.

Os húngaros fizeram 3m11,393s, os portugueses 3m13,710s, mas no ar ficou a sensação de que o recorde olímpico (3m09,190s) até poderia sido batido e pelos portugueses, não fosse o erro de Pimenta.

Sem apuramento directo, os portugueses foram à meia-final e garantiram o terceiro lugar, o último que dava acesso à final.

Numa prova em que controlou o esforço, a dupla nortenha terminou com o tempo de 3m14,017s, atrás dos eslovacos Peter Gele e Erik Vlcek (3m12,690s) e dos russos Ilya Medvedev e Anton Ryakhov (3m12,901s).

“O importante foi que passámos à final. Agora quarta-feira temos de fazer a prova do ano. Treinámos imenso, foram 189 dias de estágios a treinar para os Jogos Olímpicos. Ainda bem que o objectivo foi alcançado, que era chegar à final. Estamos desde Dezembro a treinar, é muito pouco tempo e só demonstra que eu e ele temos uma grande qualidade individual. A nossa cabeça funciona em conjunto. Eu estou atrás para ajudá-lo. Ele concentra-se na frente. E agora a expectativa é dar o máximo dos máximos”, sublinhou Emanuel Silva, garantindo que há total sintonia com o companheiro de equipa, Fernando Pimenta, um estreante em Jogos Olímpicos.

Emanuel Silva manifestou ainda compreensão pelo desejo dos portugueses por medalhas e assumiu que tudo é possível na final de quarta-feira: “Não vou dizer que é impossível. Estamos na final, tudo é possível… Nós vamos lutar por elas”.

Também hoje, a equipa feminina de K4 500 metros, formada por Teresa Portela, Beatriz Gomes, Joana Vasconcelos e Helena Rodrigues, qualificou-se para a final, com 1m32,785s, o segundo melhor tempo de sempre desta tripulação.

O segundo lugar na segunda série das eliminatórias (atrás da Alemanha, campeã olímpica, que fez 1m31,633s) valeu o apuramento directo para a final, que se disputa quarta-feira.

“O objetivo era chegar à final e fizemos a nossa melhor prova de sempre, o que mostra o nosso nível. É o reconhecimento do nosso nível e isso é mesmo o motivo de maior satisfação”, reagiu Beatriz Gomes, de 32 anos, citada pela Lusa.

A final de K4 500 está marcada também para quarta-feira, às 10h44.

 

publicado por Paulo José Matos às 23:30 | comentar | favorito