O trabalho no campo sabe bem, por contrabalanço à informática diária!

Bom dia,

 

É sempre com muita alegria que o tempo passa nos fins de semana em que estou no meu cantinho do Alentejo a trabalhar no campo.

 

Este sábado no plano de trabalhos, estava a limpeza da extrema do terreno em vale de Gaviões, que tinha um emaranhado de parreiras, figueiras e ainda marmeleiros... algo que o meu avo João Canha (que Deus tem), fez questão de cruzar e misturar.

 

Bem o trabalho não foi fácil, e as mãos rugosas sabem bem o que estou a falar, mas com uma equipa de 7 pessoas, bastaram duas horas e meia para desbastar a linda.

 

Ficam algumas fotos...

publicado por Paulo José Matos às 12:00 | comentar | favorito